Ronaldo Fraga


Falar de moda e cultura no Brasil é falar de Ronaldo Fraga. Existe um número infinito de outras referências contemporâneas, mas o estilista tornou-se o principal ícone entre todas. É unânime, em todos os sentidos. Seu trabalho, sobre o qual palestrou este mês no estado, expõe as relações culturais nacionais de forma que discursos sobre identidade são materializados através de produtos de moda. Confuso? Vamos explicar do começo.

Ronaldo Fraga esteve em Santa Catarina, neste mês, para abrir o segundo dia do Donna Fashion Iguatemi. A semana de moda ocorreu em Florianópolis e contou com uma série de desfiles. A palestra de Ronaldo Fraga garantiu parte do sucesso do evento. Lotação máxima - e muita gente em pé - para ouvir o estilista discursar sobre criatividade e identidade de moda.

Sobre cultura nacional e perspectivas da moda no país, Ronaldo Fraga afirmou que gosta de expor um Brasil desconhecido pelos próprios brasileiros; salientou a importância de se criarem produtos com uma impressão brasileira; e defendeu que, muito em breve, o país receberá estrangeiros que virão estudar moda.

Entretanto, não é a primeira vez que Ronaldo Fraga coloca os pés em solo catarinense. Não raro, o estilista ministra cursos e workshops de moda no Instituto Orbitato, em Pomerode. E Santa Catarina também não é o único destino na agenda de Ronaldo para o mês de março.

Bologna (Itália) e Londres (Inglaterra) também recebem Ronaldo Fraga, este mês, para aprender mais sobre moda e cultura. No dia 12, em Bologna, o estilista palestrou sobre seu projeto ‘‘Design na Pele’’ na abertura da Lineapele, a maior feira de couro de mundo. Trabalhando com curtumes nacionais, Ronaldo usou do couro como elemento da cultura da caatinga nordestina para produzir sua coleção de inverno 2014, ‘‘Carne Seca’’, desfilada na São Paulo Fashion Week.

A mesma coleção lhe rendeu a colocação de um dos sete estilistas mais inovadores do mundo e um dos cem designers mais influentes. A eleição foi realizada pelo Design Museum, de Londres, onde ele expõe e apresenta, nesta sexta-feira (dia 25), seu potencial criativo aplicado à cultura brasileira. É o segundo ano consecutivo de Ronaldo no Design Museum.

Logo, Ronaldo Fraga leva a moda nacional para além-mar, para além do produto de moda e da própria identidade. É unânime que seu trabalho através da cultura seja reconhecido, pois, aqui e lá, Ronaldo é a própria cultura da moda brasileira.

Fonte da imagem: elaborado pelo autor.

Posts Em Destaque
Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags